Bandeira 1

Relação mais produtiva
entre Agricultura e Apicultura.

Compartilhar

Colmeia Viva® MAP (Mapeamento de Abelhas Participativo)

Acreditamos que a integração agricultura-apicultura deve ser prioridade no setor agrícola e entender os fatores que contribuem para a perda de colmeias é o primeiro passo para fazer a diferença na relação mais produtiva entre agricultura e apicultura.

O Colmeia Viva Mapeamento de Abelhas Participativo é uma iniciativa de pesquisa que conta com a participação da Unesp e UFScar para o levantamento de dados sobre a mortalidade de abelhas com um mapeamento inédito dos fatores que contribuem para a perda de colmeias e abelhas no Estado de São Paulo.

A iniciativa dará origem a um Plano de Ação Nacional voltado às boas práticas de aplicação dos defensivos agrícolas para uma relação mais produtiva entre apicultura e agricultura.

Fatores que interferem na saúde das abelhas

Em todo o mundo, entidades, governos, universidades e empresas realizam estudos para ampliar o conhecimento sobre os diversos fatores que interferem na saúde das abelhas. Doenças originadas por parasitas como a Varroa, fungo Nosema, suscetibilidade das espécies, melhoramento genético, falhas na nutrição, problemas sanitários da prática da apicultura, desmatamento, queimadas, espécies invasoras, condições climáticas, além de uso incorreto de defensivos nas práticas agrícolas estão entre as causas estudadas.

O uso incorreto de defensivos agrícolas deve ser combatido porque configura um risco não só às abelhas, mas para a segurança de pessoas e do meio ambiente. Os erros de aplicação de defensivos agrícolas relacionados à perda de abelhas estão, muitas vezes, associados às questões estruturais da agricultura e da apicultura como:

– Prática de queimadas


– Regulagem de equipamentos


– Qualificação de mão de obra


– Falta de conhecimento para regularização de colmeias no entorno de cultivos agrícolas


– Adequação da logística e custos para implantação de pasto apícola ao agricultor


– Formalização da atividade apícola, evitando implantação de colmeias não identificadas nas plantações entre outros

Como Participar:

Para participar, agricultores, apicultores, meliponicultores e suas associações podem ligar para 0800 771 8000 e relatar os casos de perdas de abelhas e colmeias, incidentes e localização de colmeias não identificadas. Esse é um canal de comunicação exclusivo para agricultores, apicultores e meliponicultores. Disponível no estado de São Paulo.

Veja como funciona o Mapeamento de Abelhas Participativo (MAP):

Quando participar:

Agricultores

– Se encontrar colmeias não identificadas em sua propriedade.

– Em caso de dúvidas sobre possível incidente com abelhas por aplicação de defensivos agrícolas.

– Se precisar de orientações sobre boas práticas de convivência ente a atividade agrícola e apícola.

Criadores de Abelhas

– Se verificar perdas de colmeias e abelhas em seus apiários.

– Se necessitar de suporte no entendimento das causas de perda de colmeias.

– Sobre o que fazer em caso de possível incidente com abelhas.

– Se precisar de orientações sobre boas práticas de convivência entre atividade agrícola e apícola.

Benefícios para quem participa:

– Ajuda na identificação do que está acontecendo com as abelhas

– Possível esclarecimento para a perda de abelhas

– Acesso ao laboratório reconhecido pelo Inmetro capaz de identificar mais de um resíduo de defensivo agrícola nas abelhas, sem custos ao apicultor e ao agricultor

– Participação em uma iniciativa que trará um mapeamento inédito dos fatores que contribuem para a perda das abelhas e colaborar na construção de uma relação mais produtiva entre a agricultura e a apicultura.

A iniciativa de pesquisa publicou o relatório de 3 anos. Relatório completo estará disponível em breve. 

Contato

Projeto Colmeia Viva
contato@projetocolmeiaviva.org.br
colmeiaviva@sindiveg.org.br

Colmeia Viva Mapeamento de Abelhas Participativo
0800 771 8000

Assessoria de Imprensa
imprensa@sindiveg.org.br
(11) 5094-5529

Realização

Signatárias